10 março, 2013



Fui pleno manguezal.
Como minha bisavó, minha avó, minha mãe
eu pari uma menina
eu pari uma mulher.
Não há, meus orixás, nesse mundo,
felicidade maior que essa.

Martha

Foto: Haroldo Abrantes

3 comentários:

Por que você faz poema? disse...

Parir,
partir,
ficar.

dai-ane disse...

A foto capta a beleza e a intensidade, de Martha, de Bia, e de Haroldo. Inefável.

Anônimo disse...

Amiga, que coisa + linda!!!! Imagem, texto, celestial, imaterial! Beijo.

Suzi

A Chuva de Maria

A Chuva de Maria

Muadiê Maria

Muadiê Maria