05 agosto, 2016

Cabelos enroladinhos enroladinhos 
Cabelos de caracóis pequeninos 
Cabelos que a natureza se deu ao luxo 
de trabalhá-los e não simplesmente deixá-los 
esticados ao acaso 
Cabelo pixaim 
Cabelo de negro.

Henrique Cunha Júnior

31 julho, 2016

sacode

mantenha escondidos
os círculos marrons
(dos bicos dos mamilos)
a fenda funda
(das nádegas)
não queremos ofender a honra da família mineira

pura que pariu
ser livre
é mais uma besteira
que inventaram para te fazer sofrer
seja aceita minha nêga
seja a seita
fundada por machos
que acham que mulher descoberta
foi feita para se abusar

ou não

ou abra com os dedos
os lábios da buceta
da buceta
como homem que sacode o saco
quando quer xingar

Norma de Souza Lopes

26 julho, 2016


O povo pensa que o céu é perto, mas a lonjura é quase infinita. 
Todos os dias, Anarina, amiga brisa, corre com valentia nordestina para rasgar a noite e buscar o Sol pra mim.
Só então acordo, preguiçosa, e digo de Salvador para Fortaleza: 
Bom dia, Teodora.

M.


foto: Suzana Costa

21 junho, 2016

Chove
Não resiste acesa
nenhuma fogueira

Noite austera
escura, erma
nem uma fogueira
acesa

Cumpro a sina 
de nomear tochas
para iluminar meu enigma

O silêncio torna a encobri-lo

Tudo é noite
não posso dizer
mais do que posso.

Martha

26 maio, 2016


Santiago do Iguape 




 

Trocando informações com seu Edson, presidente da colônia de pescadores 

Caminho para Calolé, Tombo e Embiara 

Casa de farinha comunitária

Escola em Calolé

Reunião de início do Relatório Técnico de Identificação e Delimitação (RTID) do território das comunidades quilombolas de Calolé, Tombo e Embiara



Elisa, antropóloga representante do INCRA, conversando com o senhor, quilombola, entusiasmado com a entrevista: "Vou  lembrar dos meus antepassados."




Cristina Pechine, Sergio Pechine, antropólogos do grupo de pesquisa Observa Baia/UFBa 

Ananias Viana, presidente do Conselho Quilombola da Bacia e Vale do Iguape

Fotos: Haroldo Abrantes 
Agosto, 2014.

A Chuva de Maria

A Chuva de Maria

Muadiê Maria

Muadiê Maria