28 dezembro, 2008

Aninha e suas pedras

Não te deixes destruir...
Ajuntando novas pedras
e construindo novos poemas.
Recria tua vida, sempre, sempre.
Remove pedras e planta roseiras e faz doces. Recomeça.
Faz de tua vida mesquinha
um poema.
E viverás no coração dos jovens
e na memória das gerações que hão de vir.
Esta fonte é para uso de todos os sedentos.
Toma a tua parte.
Vem a estas páginas
e não entraves seu uso
aos que têm sede.

Cora Coralina

11 comentários:

M. disse...

Eu gosto tanto desse. Bjs

Janaina Amado disse...

Ah, minha querida Cora Coralina!

Chorik disse...

Grato por abrigar em seu blog a fonte de energia de Cora Coralina, onde pude saciar minha sede e quem sabe hei ainda de fazer de minha vida mesquinha um poema. Feliz 2009, a você, Haroldo, Bia e Haru.

Mani disse...

Que lindo...beijos.

Menina da Ilha disse...

Lindo! Como seríamos bem mais felizes se não tivéssemos medo de "recriar a vida sempre e sempre".

aeronauta disse...

Lindo. Lindo também o seu poema, escrito no meu blogue. Não sei se você leu a minha resposta...

D. disse...

Feliz 2009!
muitos sonhos realizados e poucas tristezas.
Bjs Laura

Katia Borges disse...

Maria, Martha, para as duas, e para todos os do seu coração, um 2009 de paz e saúde, de poesia e de realizações inesquecíveis. BJ

jordan shoes disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
alerts disse...

gucci
gucci bag
gucci handbag
buy gucci
gucci wallet

Paulo D'Auria disse...

Cora é rara como um diamante, este eu não conhecia, lindo. Diamante diamantina, Cora, Coralina!

A Chuva de Maria

A Chuva de Maria

Muadiê Maria

Muadiê Maria