18 junho, 2007

Soneto do amor total

Amo-te tanto, meu amor... não cante
O humano coração com mais verdade....
Amo-te como amigo e como amante
Numa sempre diversa realidade.

Amo-te, afim, de um calmo amor prestante
E te amo além, presente na saudade
Amo-te, enfim, com grande liberdade
Dentro da eternidade e a cada instante.

Amo-te como um bicho, simplesmente
De um amor sem mistério e sem virtude
Com um desejo maciço e permanente.

E de te amar assim, muito e amiúde
É que um dia em teu corpo de repente
Hei de morrer de amar mais do que pude.

Vinícius de Moraes


Para Haroldo,
o nosso primeiro poema de amor.

9 comentários:

Campêlo disse...

Viver é experimentar várias formas de amar!

Abrantes disse...

Pra dizer que te amo ao infinito e além

Como te dizer alguma coisa se não quer saber o que tenho para te dizer?

Penso que nada mais será dito se não queres ouvir

Digo e desdigo o que disse para não te incomodares com minhas palavras dizendo o que não queres que eu diga.

De ti o que quero espero é teu frescor

Tua essência feminina ista

pré e pós dita em tuas poesias de maria

Maldito amor e desejo que me persegue

sonhos perambulantes ostracísticos

diários e eternos.

Pior ainda é não querer domar nada

Apenas amar

mar tha.

Bosco Sobreira disse...

Foi muito bom reencontrar o Poetinha aqui. mas, o que eu buscava mesmo era mais uma de suas criações.
Escreve, Poeta!
Um beijo afetuoso.

MARIAESCREVINHADORA disse...

Bela escolha, Marthinha. Como diria Cláudia-Ponte, Haroldo deve estar todo pimpão.
Beijo,

Conceição.

Laura disse...

"hei de morrer de amar mais do que pude"
ai que lindo!
Vinícius falava tão lindo de amor...
e vc com seu Aroldo, tão bom isto. Boa sorte!
o que fotografa tão bem, né?
bjs laura

Mani disse...

eu adoro esse poema..

inominável disse...

"amor amigo amanante amado eu morro
da morte que me dás todos os dias"

(David Mourão-Ferreira???)

Mônica Montone disse...

adoro esse poema :o)

beijos, linda

MM

LIRIS LETIERES disse...

É Campêlo, e amar é experimentar as diversas formas de se saber viver.
Bjs, em vocês tudo!
Liris Sempre Letieres

A Chuva de Maria

A Chuva de Maria

Muadiê Maria

Muadiê Maria